HOME Turismo Folguedos Sumulas & Leis Novos Autores Voluntários Fale Conosco COLUNISTAS CONTRIBUA
Gazeta Valeparaibana

"Analfabeto não é aquele que não aprendeu a ler. Analfabeto é aquele que aprendeu a

ler e não lê."

Mário Quintana

Onde estamos: São José dos Campos - SP - Brasil

 

VOLTAR PARA TURISMO

 

Caminho das Frutas

O Caminho das Frutas conhecido nos circuitos turísticos como "Circuito das Frutas" é um polo turístico que reúne nove municípios, a saber: Indaiatuba, Itatiba, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira, Morungaba, Valinhos e Vinhedo, formando entre si um roteiro gastronômico e cultural bem dinâmicos. A região é uma importante produtora de produtos agrícolas, especialmente de frutas, destinadas ao comércio no Brasil e no exterior. Destacam-se entre os produtos a uva, o morango, o pêssego, a goiaba, a ameixa, o caqui, a acerola e o figo, pela sua qualidade  e suculência.

 

 A região também  tem importante destaque nacional na produção de vinhos. Na parte não agrícola, a região também apresenta um bom Turismo Rural, além de roteiros gastronômicos que vão desde a comida de fazenda (cozinha caseira típica) aos restaurantes de alto nível internacional.

É a região indicada para quem gosta da "Cultura da Roça" da boa fruta  e de comida boa!

 

 CIDADES DO CIRCUITO

 

Jundiaí localiza-se entre as cidades de São Paulo e Campinas. Distante 49 quilômetros da Grande Capital São Paulo, com acesso pela Via Anhanguera e, situada a 37 quilômetros de Campinas é uma cidade de alto índice de Desenvolvimento Urbano (IDHM - 0,857), muito acima da média do Estado que é de 0,814, segundo dados do IBGE do ano 2000.

A cidade tem como seus principais atrativos turísticos os seus Parques Municipais, a saber: o "Parque da Cidade", situado ás margens da represa, que conta com uma extensa área verde e equipamentos para a prática dos mais diversos esportes; o "Parque dos Trabalhadores", com funcionalidade voltada para a família, possuindo uma extensa área verde, bem como churrasqueiras e quiosques para o lazer de final de semana e, por ultimo, o "Jardim Botânico", onde a população e os visitantes encontraram bela cachoeiras, trilhas e jardins temáticos.

Além dos parques atrás mencionados, o mais conhecido é o "Parque Comendador António Carbonari", conhecido como o "Parque da Uva", por abrigar a sua tradicional "Festa da Uva". Inaugurado em 1953, abriga também a concorrida Festa do Morango de Jundiaí, além de diversos eventos artísticos, comerciais e religiosos.Como Terra da Uva, também produz bons vinhos e suas adegas, sítios e fazendas são um percurso gastronômico que não deve ser desperdiçado, para degustação de vinhos, de queijos e comidas típicas.

Outras atrações da cidade são suas Feiras de Artesanato e a Serra do Japi (Foto ao lado), com sua exuberante beleza natural, propiciando a prática dos mais variados esportes.

 

Jarinu, esta bucólica cidade, encrava entre vales e montanhas, rodeada por uma natureza intocada tem-se como um dos melhores climas do mundo; envolta em um cenário perfeito para se desfrutar de momentos de muita emoção, diversão, lazer e sossego. Entre seus atrativos turísticos se incluem pesqueiros de alto nível, artesanatos, fazendas históricas, alambiques, adegas  e, do ponto de vista de monumentos entre eles se destaca a  sua famosa estátua do Cristo.

 

Indaiatuba, é uma das maiores cidades da região, com mais de 200 mil habitantes. Além de suas festas típicas, como a da  uva, a do caqui e a da acerola, a cidade oferece diversos roteiros de visitação e entretenimento a seus visitantes.

Também do ponto de vista histórico, Indaiatuba nos pode mostrar o seu passado, graças aos esforços de preservação de seus monumentos, de seus marcos históricos e culturais e, de sua natureza característica.

Em virtude de ser uma cidade com alto desenvolvimento industrial o Turismo de Negócios também se encontra bem desenvolvido na região, havendo inclusive um circuito de turismo de negócios virado exclusivamente para o setor tecnológico e científico.

 

Itupeva, antigo Distrito de Jundiaí, é uma típica cidade do interior, com seus pouco mais de 36 mil habitantes.

No entanto, as opções de turismo na região são muitas e variadas. Em seus percursos turísticos, a quem chamam de Rotas, temos a destacar: a Rota do Mel, a Rota dos Escravos (histórica) e a Rota dos Parques, entre outras. Itupeva concentra um grande número de pesqueiros e, anualmente realiza a tradicional "Festa da Uva".

 

Valinhos, é conhecida como a "Capital Brasileira do Figo Roxo"; outra cultura que disputa com o figo o ranking de maior produção da cidade é a Goiaba e que vem ano após ano, cada vez mais se tornando tradicional.

A ideia de Monsenhor Bruno Nardini de ajudar os Chacareiros na comercialização de seus frutos, quando a "Festa do Figo" era ainda uma "quermesse", continua sendo hoje um dos atrativos que levam os agricultores da cidade a expor seus produtos durante o evento, nessa agora grande festa.

Saborosas, as mais variadas frutas cultivadas no município, reconhecidas por sua qualidade, são uma vitrine da rica e sofisticada agricultura de Valinhos.

 

Informar para educar - Educar para formar - Formar para transformar

PRIVACIDADE

TODOS OS DIRETITOS RESERVADOS GAZETAVALEPARAIBANA-2007