HOME

Circuito das águas

O que é água mineral?

Águas de Lindóia

Amparo

Monte Alegre do Sul

Serra Negra

Socorro

Campos do Jordão

Santo António do Pinhal

São Bento do Sapucaí



 Campos do Jordão

Campos do Jordão é uma aconchegante cidade com a maior altitude do Brasil, 1630 metros. Distante a 170 km de São Paulo, é a estância climática chamada de Suíça Brasileira. Sua arquitetura de influência européia e seu clima frio atrai turistas durante todo ano, principalmente durante o inverno no mês de julho, quando acontece o Festival de Inverno, um importante festival internacional de música erudita.

O pinheiro é a árvore-símbolo de Campos do Jordão. Repleta de Araucárias, Campos do Jordão tem parques e jardins por toda cidade. No Palácio Boa Vista está um amplo acervo de arte nacional do período colonial e do modernismo. Tem ainda o Museu Casa da Xilogravura - o maior no Brasil e o Museu Felícia Leirner que expõe esculturas a céu aberto.

Uma das delícias de Campos do Jordão é o chocolate. O Museu do Chocolate e a Fábrica do Chocolate Araucária, é uma atração a parte. Outras opções são os passeios de charretes, trenzinho, no teleférico, arvorismo, passeio no Jardim Botânio e degustar chocolate quente nas cafeterias.

Campos do Jordão surgiu em 1771 quando Inácio Caetano fundou a Fazenda Bom Sucesso ao receber uma carta de sesmaria do Governador da capitania de São Paulo. Narra a lenda de que era muito sovina e teria enterrado três barricas de ouro perto dos pinheiros. Até hoje ainda procuram pelas barricas.

Inacio Caetano morreu em 1823 sem revelar o local e seus herdeiros venderam as terras para o Brigadeiro Manoel Jordão. Daí vem o nome de Campos do Jordão. Depois de sua morte os herdeiros venderam porções da terra e um dos proprietários instalou uma vendinha e montou uma pensão para forasteiros, levantou uma igreja e uma escola, e Campos do Jordão passou a crescer.

Em 1911 os médicos Emilio Ribas e Victor Godinho instalaram a Vila Sanitária e muitas pessoas foram curadas de problemas pulmonares, graças ao clima da região. Além de sua famosa malharia, conhecida no mundo todo, o seu chocolate caseiro, seus doces e compotas, as peças de madeira dos seus majestosos pinheirais, suas águas minerais correm das fontes mais puras do planeta. Mas a sua maior matéria-prima, porém, é aquela que exporta, generosamente, sem retorno de divisas: o ar puro que cura e dá a saúde.